Portal Sistema Firjan
menu

Eventos

 

Evento

Seminário Internacional Mulheres no Audiovisual

Casa Firjan

Esta programação pertence à Casa Firjan

O que é

O terceiro seminário aborda a participação de mulheres na indústria audiovisual.

Para quem é

Empresários e profissionais do setor audiovisual

Valor

Gratuito

Local

Casa Firjan
Rua Guilhermina Guinle, 211
Botafogo
Rio de Janeiro - RJ

Inscrições encerradas.

No Brasil, segundo a última pesquisa em profundidade feita pela Ancine, divulgada em janeiro de 2018, as mulheres dirigiram apenas 19,7% dos filmes brasileiros lançados em 2016; homens negros dirigiram apenas 2% desses filmes e nenhuma mulher negra assinou a direção de um filme. Normalmente, a participação de mulheres na direção dos filmes lançados comercialmente no Brasil a cada ano é de cerca de 15%, tendo chegado a ser de apenas 10% em 2014.

Com o objetivo de ampliar a percepção e inspirar a ação dos profissionais do audiovisual brasileiro quanto às questões de gênero e raça no setor, a Ancine realiza anualmente o Seminário Internacional Mulheres do Audiovisual.

Esta edição vai abordar a importância das políticas públicas para a promoção da diversidade no audiovisual e o papel da sociedade civil na criação da mudança. 

Programação:

09h | Credenciamento – Café de boas vindas

10h | Abertura
- Christian de Castro – Diretor Presidente da Agência Nacional do Cinema – ANCINE
- Debora Ivanov – Diretora da Agência Nacional do Cinema – ANCINE
- Alex Braga – Diretor da Agência Nacional do Cinema – ANCINE
- Carolina Costa – Presidente da Comissão de Gênero, Raça e Diversidade da ANCINE
- Representante da Casa Firjan/Firjan

10h45 |  Conferência |Igualdade de gênero na Indústria Audiovisual: a sociedade civil à frente da mudança
- Barbara Rohm – CEO da ProQuoteFilm/Alemanha
A política pública não acontece sozinha. É a mobilização dos profissionais do mercado e da sociedade civil que move as agendas dos governos. Nessa sessão a ProQuoteFilm, organização da sociedade civil da Alemanha criada em 2014 para promover a igualdade de gênero na indústria cinematográfica e televisiva alemã, compartilha suas estratégias para aumentar a importância das mulheres na indústria cinematográfica.

11h30 | Mesa de Discussão |  Se você é parte, qual é a sua parte? Perspectivas para a atuação da Sociedade Civil
-
Barbara Rohm, CEO da ProQuoteFilm
- Krishna Mahon, Administradora do grupo Mulheres do Audiovisual Brasil
- Mônica Monteiro, Diretora Executiva de TV paga da Band e Vice-Presidente da Federação de Mulheres Empreendedoras da CPLP
- Paula Neves, Diretora de Marketing da Gazeus Games e membro do Conselho da Diversidade da Associação Brasileira das Desenvolvedoras de Jogos Digitais – Abragames
- Érica de Freitas, produtora e roteirista na Encantamento Filmes, idealizadora do Projeto Visionárias
- Paula Trabulsi, cineasta e fundadora da ASAS.BR.COM, Coletivo International de Inteligência Criativa
- Lyara Oliveira, representante da Associação dos Profissionais do Audiovisual Negro – APAN
Mediação: Luciana Barreto, jornalista e ativista de direitos humanos

13h | Almoço

14h30 | Conferência | Igualdade de Oportunidades na Indústria Audiovisual: a política de diversidade do British Film Institute – BFI
-
Amanda Nevill – CEO do BFI/Reino Unido
Diversidade é crucial para os negócios da indústria audiovisual: a inclusão impulsiona a criatividade, engaja novas audiências e gera inovação. O British Film Institute, órgão de fomento à produção audiovisual no Reino Unido, adotou uma política de diversidade com padrões e metas de inclusão, para assegurar que todos os projetos a serem financiados, todos os programas de sua curadoria, bem como as audiências a que eles se dirigem sejam representativos da população do Reino Unido.

15h15 Mesa de Discussão | Diversidade e Inclusão: como avançar?
- Amanda Nevill, CEO do BFI
- Ana Julia Cury Cabral, servidora da Ancine, Doutora em Comunicação e Cultura pela UFRJ
- Iafa Britz, produtora e membro da Diretoria do Sindicato da Indústria Audiovisual – SICAV
- Clélia Bessa, produtora e Conselheira da Brasil Audiovisual Independente – BRAVI
- Jorane Castro, Diretora Norte da Conexão Audiovisual Centro-Oeste, Norte e Nordeste – CONNE
- Anna Muylaert, diretora e roteirista
- Daniela Fernandes, Diretora de audiovisual da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia
Mediação: Edileuza Penha de Souza, professora de etnologia visual da imagem do negro no cinema da UnB

16h45 | Café & Networking

18h | Encerramento


IMPORTANTE: INSCRIÇÕES ENCERRADAS
Faremos transmissão online do evento pelo link 
https://www.youtube.com/watch?v=_tgYI1yE8Ro&feature=youtu.be

Voltar para Casa Firjan
Casa Firjan nas redes
/casafirjan/casafirjan

Mapa

 
Para Empresas
Competitividade Empresarial Educação Qualidade de Vida