Portal Sistema Firjan
menu

Notícias

Cultura / Firjan

Teatro Firjan SESI Centro é contemplado com o Prêmio Referência Nacional & Qualidade Empresarial

Alessandro Martins, supervisor de Cultura do teatro, e Antenor Oliveira, coordenador de Cultura e Educação do SESI comemoram a conquista do Prêmio.

Alessandro Martins, supervisor de Cultura do teatro, e Antenor Oliveira, coordenador de Cultura e Educação do SESI comemoram a conquista do Prêmio.Foto: Rafael Motta

27/11/19 14:40  -  Atualizado em  27/11/19 14:47

Em cerimônia realizada em 25/11, em seu espaço, o Teatro Firjan SESI Centro ganhou o Prêmio Referência Nacional & Qualidade Empresarial, entregue anualmente pela Agência Nacional de Cultura, Empreendedorismo e Comunicação (Ancec). O Teatro foi contemplado com o Troféu Nelson Rodrigues, por sua contribuição e fomento à cultura.

Para Antenor José de Oliveira, coordenador da Divisão de Cultura e Educação da Firjan SESI, o prêmio chancela o quanto o espaço vem investindo na economia da cultura e em sua cadeia produtiva. “Por se tratar de um prêmio de repercussão nacional, é muito significativo sermos contemplados por um programa de cultura que é executado apenas no estado do Rio. Isso leva o nosso estado a exercer protagonismo no país”, disse Oliveira.

“É muito importante o reconhecimento de que somos uma entidade que apoia e incentiva a cultura. Sinto orgulho por fazer a curadoria desse teatro e perceber que nosso trabalho segue no caminho certo”, destacou Alessandro Martins Pinto, supervisor de Cultura do Teatro Firjan SESI Centro, unidade Cinelândia.

Em 2019, o Teatro Firjan SESI Centro foi palco de espetáculos de grande sucesso de público, como “Oboró – Masculinidades negras”, cuja segunda temporada já está em cartaz; “Fulaninha e Dona Coisa”; e “Contos Negreiros do Brasil”.

Sobre a premiação

O Prêmio Referência Nacional & Qualidade Empresarial tem como objetivo valorizar e reconhecer profissionais e projetos das áreas de cultura, empreendedorismo e comunicação.

No ano passado, a Firjan SESI foi contemplada com o Troféu Nelson Rodrigues, como referência nas artes cênicas no Brasil, na categoria “Responsabilidade Cultural”. Também recebeu da Ancec, em 2015, o título de membro da “Ordem da Arte e da Cultura Nelson Rodrigues”, pelo projeto “A Gosto de Nelson”, por ocasião do centenário do artista.

A solenidade contou com a presença de diversas personalidades, como Marcos Veras, Osmar Prado, Vera Fisher e Pedro Paulo Rangel, entre outros.
 

 
Para Empresas
Competitividade Empresarial Educação Qualidade de Vida