Portal Sistema Firjan
menu

Notícias

Firjan

Nota do Sistema FIRJAN sobre a suspensão das operações das tropas federais no combate ao crime no Rio de Janeiro

16/09/17 17:26  -  Atualizado em  16/09/17 17:41

O Sistema FIRJAN vem a público para manifestar que considera imprescindível o retorno das tropas federais às operações de combate ao crime no Estado do Rio de Janeiro.

Quando as ações federais tiveram início, no final de julho, houve a promessa de que se estenderiam até 2018. A população fluminense conta com a preservação deste compromisso.

É alarmante a degradação da segurança pública no estado, seja pela incompetência de suas autoridades, seja pela escassez de recursos diante da falência das contas públicas do Rio de Janeiro.

O quadro de descalabro tem como símbolo a morte de mais de 100 policiais militares nos primeiros oito meses do ano, diante da desfaçatez do crime organizado, que age sem pudor em plena luz do sol, sem se importar mais nem sequer com a geografia de suas ações e provido de armamentos cada vez mais sofisticados.

É algo fora de questão imaginar que o Rio possa prescindir da tão necessária e sempre relevante ação de Marinha, Exército, Aeronáutica, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Força Nacional de Segurança Pública e Agência Brasileira de Inteligência.

É obrigação do Governo do Estado do Rio de Janeiro reunir-se de imediato com o Ministério da Defesa a fim de elaborar, com a devida urgência, uma estratégia conjunta para encontrar as soluções necessárias à permanência das tropas federais no Rio de Janeiro.
O Sistema FIRJAN se coloca, como de resto sempre esteve, à disposição para colaborar no esforço de encontrar uma solução para a questão.

O Rio de Janeiro precisa de atenção e proteção.

O Rio de Janeiro precisa de paz.
 

 
Para Empresas
Competitividade Empresarial Educação Qualidade de Vida