Portal Sistema Firjan
menu

Notícias

Qualidade de Vida / Firjan

Firjan atinge a marca de 60 mil testes contra a Covid-19 em trabalhadores da indústria fluminense

Foto: Vinicius Magalhães

Tempo médio de leitura: ...calculando.

Publicado em 06/10/21 16:55  -  Atualizado em  02/12/21 18:43

Para contribuir no enfrentamento ao novo coronavírus e suas variantes, desde abril de 2020 a Firjan promove o programa Testes Covid-19 para trabalhadores da indústria fluminense. De lá para cá, já foram realizados 60 mil testes, atendendo a 908 empresas, sendo 91% de pequenas indústrias, vinculadas a 84 sindicatos e distribuídos em 47 municípios em todas as regiões do estado.

O serviço é dedicado aos trabalhadores da indústria, via solicitação da empresa, não extensivo aos dependentes, em virtude da priorização do atendimento à cadeia produtiva. 

“Mesmo com o avanço da proteção pela vacinação coletiva, a retomada da atividade econômica exige das empresas os cuidados necessários para evitar a recontaminação, convencer os não vacinados, e o desafio maior do surgimento de novas cepas. Entre esses cuidados, estão a adesão às normas de higiene, e as boas práticas para a prevenção da Covid-19”, ressalta o presidente em exercício da Firjan, Luiz Césio Caetano.

Para micro e pequenas indústrias, com até 100 empregados, o serviço é oferecido de forma gratuita. Em virtude das novas cepas, as empresas que já promoveram os testes em seus funcionários podem refazer os testes, também sem custos.

Para as demais indústrias, os testes saem a preço de custo. Para médias empresas, com até 500 empregados, o pagamento é de R$ 96 por teste; e para grandes indústrias, com mais de 500 empregados, o valor é de R$ 125.

O serviço é executado pela Firjan SESI por meio do Centro de Inovação SESI em Saúde Ocupacional (CIS SO) em conjunto com todas as unidades operacionais, onde ocorrem as testagens, em todo o estado. Dependendo do número de trabalhadores, também pode ser realizada na própria empresa.

O programa contempla desde a coleta das amostras, análise laboratorial e gestão médica dos resultados por meio da equipe de profissionais da área de medicina ocupacional da Firjan SESI. O método do teste molecular RT-PCR é feito a partir da coleta de secreção da nasofaringe, sem procedimento invasivo, de fácil coleta e com capacidade de identificação do vírus antes mesmo do aparecimento dos sintomas. O resultado sai em até 48 horas.

Pesquisador e coordenador do CIS SO, Sérgio Kuriyama destaca a importância de as empresas participarem do programa Testes Covid-19, mesmo com a vacinação em ritmo avançado no estado e andamento em todo o país: “Temos relatos de pessoas, mesmo vacinadas com as duas doses, que se contaminam e apresentam sintomas muito brandos, semelhantes ao resfriado. Quando isso ocorre, essa pessoa continua transmitindo o vírus. Além disso, a exposição a novas variantes mais infecciosas e o relaxamento após a vacinação têm favorecido a transmissão da doença”.

Até o momento, os cinco municípios que mais participaram do programa Testes Covid-19 da federação são: Rio de Janeiro, 325 indústrias e 35 mil testes; Nova Friburgo, 157 indústrias e 8.642 testes; Petrópolis, 80 indústrias e 3.984 testes; Duque de Caxias, 55 indústrias e 3.549 testes; e Nova Iguaçu, 33 indústrias e 1.885 testes.

 
Para Empresas
Competitividade Empresarial Educação Qualidade de Vida