Portal Sistema Firjan
menu

Notícias

Competitividade / Infraestrutura

Instituto da Firjan SENAI é escolhido para participar de Centro de Pesquisa Aplicada em IA

Tempo médio de leitura: ...calculando.

Publicado em 5/13/21 12:02 PM  -  Atualizado em  5/13/21 12:10 PM

Um grupo de Institutos SENAI de Inovação (ISI), entre eles o de Sistemas Virtuais de Produção (ISI SVP), da Firjan, acaba de ser selecionado pelo Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovações para formar o Centro de Pesquisa Aplicada em Inteligência Artificial (IA) para Indústria 4.0. O objetivo é impulsionar o uso de IA e Internet das Coisas (Internet of Things, IoT) na indústria brasileira.

“É a importância da inteligência artificial em diversos setores e como isso pode contribuir para maior eficiência, maior precisão dos sistemas, maior segurança para todos nós”, ressaltou o ministro Marcos Pontes, no anúncio dos vencedores da chamada pública, no início de maio.

Também fazem parte do grupo, que será liderado pelo SENAI Cimatec (BA), o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e o Instituto Politécnico da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IPRJ/UERJ), entre outros. A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) vai investir R$ 1 milhão por ano no projeto, durante cinco anos.

Aliada ao impulsionamento das soluções tecnológicas, a iniciativa visa à formação de mão de obra qualificada e o relacionamento de negócios - Eric Cardona, coordenador do ISI SVP

O recurso vem do total arrecadado em registros de site com o domínio “.br” por um órgão ligado à fundação. Empresas poderão fazer parceria, mediante uma contrapartida financeira. “Aliada ao impulsionamento das soluções tecnológicas, a iniciativa visa à formação de mão de obra qualificada e o relacionamento de negócios”, explica Eric Cardona, coordenador do ISI SVP.

Segundo ele, o treinamento será útil principalmente para líderes de desenvolvimento e inovação, que estão alavancando essas mudanças nas empresas. A Firjan SENAI vai trabalhar com aplicações de sistemas virtuais, realidade aumentada e gêmeos digitais (tecnologia que virtualiza um ambiente ou sistema físico para a simulação de cenários).

Um dos profissionais do ISI SVP a integrar o centro será Mauricio Onoda, pesquisador sênior, com 20 anos de experiência na área de IA e de pesquisa, desenvolvimento e inovação (PDI). “Nosso instituto vai auxiliar as empresas no desenvolvimento de algoritmos de inteligência artificial para melhorar a produtividade, diminuir o desperdício e resolver outros problemas da indústria”, ressalta Cardona.

Conheça a lista completa de instituições participantes do grupo

• Instituto SENAI Cimatec – Campus Integrado de Manufatura e Tecnologia (BA)
• Instituto SENAI de Inovação em Soluções Integradas em Metalmecânica do Rio Grande do Sul
• Instituto SENAI de Inovação em Sistemas Embarcados de Santa Catarina
• Instituto SENAI de Inovação em Sistemas de Manufatura e Processamento a Laser de Santa Catarina
Instituto SENAI de Inovação em Sistemas Virtuais de Produção do Rio de Janeiro (ISI SVP)
• Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação da Universidade de São Paulo (ICMC/USP)
• Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA)
• Instituto Politécnico da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IPRJ/UERJ)
•Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA)
•Universidade Federal da Bahia (UFBA)

 
Para Empresas
Competitividade Empresarial Educação Qualidade de Vida